Uma boa história

Sempre é bom ler uma história interessante, como esta que li na BBC e reconto aqui, aproveitando o espírito natalino:

“Querido Timothy, quero ser seu novo amigo”, escreveu de forma anônima o interlocutor. Em seguida continuou: “Sou um homem velho, de 77 anos de idade, mas eu amo crianças; e, embora não tenhamos nos conhecido, eu já te amo”. Depois concluiu: “Moro no Texas. Vou te escrever de tempos em tempos. Boa sorte”.

O autor da carta foi um dos homens mais poderosos do mundo e durante muitos anos ajudou com com educação e alimentação, Timothy, um pobre menino filipino.

A ajuda era feita através da Compassion International, uma instituição humanitária que auxilia crianças pobres em vários países. Além de ajudar, o homem poderoso se correspondia secretamente com a criança e se identificava como “George Walker”.

Numa das últimas correspondências o menino, sem saber quem era o poderoso patrocinador, agradeceu: “Obrigado por não me esquecer. Você é tão legal e bom”, disse Timothy.

No último mês, com a morte, aos 91 anos, do patrocinador George Walker, descobriu-se a história e as correspondências. 

George Walker era na verdade George H. W. Bush, 41º presidente dos Estados Unidos. De forma anônima e secreta ele ajudou e se correspondeu com o menino Timothy, hoje um jovem de 17 anos. 

Agora as correspondências foram reveladas ao mundo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *